sexta-feira, 26 de março de 2010


Sentimentos soltos

Sem caminhos, sem sentidos

Sem bagagem, com viagem

Sem medo, nem receio

Sem corpo, leve

Novos olhares

Formando multidões em mim

Nenhum comentário:

Postar um comentário