segunda-feira, 27 de julho de 2009

Foi na tarde de hoje
No meio do supermercado, mundarel de pessoas, conversas e música
Foi naquele instante
Foi quando escutei os pássaros, o mar, a voz suave
Da música waves (Nouvelle Vague)
Quando desejei sentir o cheiro da minha mãe
Foi neste vazio
Que meu coração rasgou
Que meus olhos resolveram chorar
Foi quando violei o barulho
Foi quando as pessoas se tornaram invisíveis

Foi nessa hora
Que enganei minha condição
Num malabarismo violento

Escondi a bagagem pesada

Quando senti meu nariz numa fornalha
Implorando por um vento
Desviei derrapando meus pensamentos
Antes que a lagrima escorresse

3 comentários:

  1. Tatiana,

    Que blog lindo....
    Estou lendo a 40 minutos... sua sensibilidade tocou meu coração... falas da vida com delicadeza e força.

    Amei.
    Que sorte a minha ter vindo aqui !
    Virei seguidora.

    Beijo,

    Solange

    http://eucaliptosnajanela.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Encontrei o seu blog por acaso e me apaixonei!! Lindíssimo!!

    A música é maravilhosa mesmo.
    Lindas palavras.

    Parabéns !!

    =D

    ResponderExcluir
  3. Excelente blog!
    E o texto, então, muito bem feito!
    As emoções são assim.
    Chegam de mansinho e arrebatam o coração.
    Resta sabermos controlar e aprender com isso.

    E.T. Bonito video!
    Lhe seguirei também.
    Um abraço!

    ResponderExcluir