sexta-feira, 3 de julho de 2009

É que as vezes você apaga as velas e deixa tudo meio escuro
Devassidão espantosa e secreta
Estupidez real.
E quando você acende e clarea
Tudo é diferente
Mas bonito... mais admirável

A alma pode permanecer
Pura, honesta, cristalina
(Na Leveza do Ser)

Fiquei assim o dia inteiro
Pensamento ainda aceso
Pela aceitação
Pelo abraço e o carinho
Pela delicadeza

Nenhum comentário:

Postar um comentário