quarta-feira, 9 de dezembro de 2009




Deu tchauzinho a menina chorona, mimada e engoliu a garota dos olhos grandes.


Respirava a vida real, com fé, com coragem e seguiu em frente.


Se era preciso cantar.... cantaria mesmo com a boca muda.






Um comentário:

  1. boa sorte, menina dos olhos grandes...e de grandes atitudes.
    beijoca.

    ResponderExcluir